Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Soprador de Brasas

O Soprador de Brasas

O MEDO MANIFESTO EM TRÊS ACTOS

images.jpg

 

MANIFESTO SOBRE O MEDO EM TRÊS ACTOS

Uma analise filosofica, psicofisica e neurolinguistica, onde se cruzam saberes que se complementam para explicar o MEDO DA DEMOCRACIA.

" O MEDO, A FORMA DE DOMINIO DA DEMOCRACIA PORTUGUESA"

O MEDO DE MIM

O MEDO DE TER MEDO

O MEDO DA DEMOCRACIA

O Medo, é uma emoção, um quimico gerado fruto de uma avaliação da possibilidade uma ameaça à nossa integridade fisica, ou psiquica, ou social, e que circula no sangue e as celulas ao identificar esse quimico enviam uma mensagem ao cerebro dizendo que estão a perceber, que é medo, o corpo sente essa interpretação neural e foge, ataca, ou paraliza, e habitua-se e de tantas vezes sentir, passamos a ser o MEDO.

O Medo em Portugal, já é genetico, o MEDO É CADA UM DE NÓS, o MEDO de ver a imagem social afectada, de ser excluido do rebanho, todos o temos de forma inconsciente e por ser inconsciente nem consciência temos de que vivemos em medo....transmite-se de pais para filhos e os comportamentos de medo copiam-se..até ao ponto de nem querermos ver os sinais da imoralidade do Pais, tão visiveis, mas temos medo.........."não é verdade, não pode ser verdade que nos estão a enganar de forma organizada",

O medo está em todas as nossas celulas, e foi a democracia que tanto prezam que o pensou, que o foi criando, aprerfeiçoando, injectando em todos nós, e os que dizem balelas, eu não tenho medo da democracia, tem medo de admitir que é melhor serem da cor de todos, da cor da democracia do que vir a ter dissabores.

Eu por exemplo, não voto, nem ponho lá os pés, enão tenho medo de o dizer e de dizer que é inutil ir votar e a A DEMOCRACIA DIZ-ME:

"que deveria faze-lo pelo menos votar em branco, porque todos temos de participar e quem não vai demite-se da sua possibilidade de mudar as coisas e que é uma imoralidade não o fazer"

Ora aqui faço usando o metamodelo uma tecnica de neurolinguista que é a inversão, o oposto desta frase e que tambem é verdade, vejamos:

" que não deveria votar, porque não temos de participar e quem vai votar contribui para que nada mude e que é moral estar de acordo com a minha consciência, pois nada vai mudar, quer vote quer nao vote",

Onde esta a verdade e a razão? ambos os pensamentos sao possiveis, ambos são crenças e são volateis e podem mudar a qualquer momento, o primeiro é a norma social que me pode penalizar por não votar e o segundo é a minha consciência, a minha moral e é com ela que vivo, nao com a moral imoral da democracia.

Vou escrever um Manifesto sobre o MEDO que existe em Portugal, o MEDO QUE A DEMOCRACIA organizou para todos e nos deu de bandeja.

Mesmo depois do 25 Abril, continuamos a ter medo de aparecer, medo de dizer, medo de fazer má figura e sermos excluidos ou apontados ou chamados de loucos por não estar de acordo com a norma subjectiva de poder sobre o que se pode ou não dizer publicamente, o medo de ser, o medo de ter medo do medo, o medo de aparecer e se tornar muito notado, o medo de mudar e fazer ondas, o medo de dizer que tem medo de ser Português.

Como tenho medo que apaguem as minhas publicações aqui como já fizeram, com o lapis azul da censura, o lápis do medo de quem não tem medo e mesmo com medo, irei publicar atraves do meu BLOG, O SOPRADOR DE BRASAS

TRIOLOGIA, MULHERES PUTAS E SANTAS, AS SANTAS

9b65d013573977.562758487d2d4.jpg

images.jpg

La6lPrrU.jpg

lib menina no havai sem relacao com o post.jpg

louvadeus_bx.jpeg

selenagomeznormal365xXx80.jpg

 

TRIOLOGIA MULHERES, PUTAS E SANTAS

SANTAS

Cruzei-me com mulheres, putas e vadias, com mulheres perdidas e psicóticas, com lésbicas e sapatonas, com taradas sexuais e com filosofas, com amantes e mulheres casuais, umas misteriosas e também ansiosas, inteligentes, burras e antes pelo contrário apáticas, pretas, chinesas , brancas e azuis, mulheres fantasticas, pobres e ricas, a cheira a channel e a merda de vaca e todas todas sem excepção me trataram com respeito, todas alguma coisa queriam dar e receber, todas só desejavam ser felizes, amar e a ser amadas.

SANTAS fazem perder a inocência a pessoas de bem, e ajudam-nos a crescer e criar sistemas de defesa nuclear.

AS SANTAS são as mães de todas as putas.
Finas, só vestem CAVALI, ou compram imitações baratas em chinatown, ou mesmo no chinês da esquina….no barulho das luzes ninguém nota.

As Santas são as rainhas do parecer ser, do embuste, das mascaras, da dissimulação e da manipulação, da inveja ao próximo, das selfies no face em poses montadas, das aplicações de botox e liftings, santas na aparência, intocáveis e castas e benditas por deuses e santos e corruptas e vis e permissíveis, dissimuladas, calculistas, racionais e gritam aos filhos , gritos estridentes, têm amas que as roubam e falam mal delas.

Tementes a Deus, às vezes até beatas, são Namasté, budistas, defensoras da humanidade e dos pobrezinhos, são mulheres feng shui, reiky, yoga, mindfulness, shiatsu, botox, Xanax, liftings e bang bang, bebedeiras e festas nas discotecas da moda, roçam-se de forma devassa em homens alheios enquanto o marido, o palhaço paga as contas e sustenta os filhos.

São as mulheres taichi, e aikido…e é mesmo "ai ki dô", quando afinal são…. Uma Dô….A dor da perda de dinheiro, a dor da perda de amigos, a dor da perda da ilusão e da humilhação publica para quem cai nas suas garras, da calunia, da falsa amizade, dos atropelos e roubos descarados....

Há santas que só são umas grandes falsas, amigas à frente e nas costas é só desfazer, essas são só porcas, ou vacas, ou serpentes, ou jiboias, anacondas, ou mesmo umas cascavéis.

Estas têm uma furia e um ódio doente a outras mulheres, amiguinhas de homens meio apanascados, rodeiam-se de admiradoras e admiradores que não admiram e pelo contrário usam-nos para espalhar o seu veneno.

São mal fodidas e têm cara de mal fodidas, ou não gostam de sexo, gostam de comprar e vadiar, e cruzam as pernas apertando o pipi tanto que acaba por soldar, em pequenos orgasmos envergonhados, comem dentro da gaveta e são doutoras, licenciadas, psicólogas, ou juízas, ou advogadas normalmente porque se habituaram a julgar pessoas pelo que dizem e não pelo que são, e as pessoas são um universo imenso, a sua principal caracteristica é a mesquinhez e a raiva a quem tem sucesso.

São eternas invejosas e lançadores de serpentinas de maldade e de foguetes de calunias, mas sempre amicíssimas, amicíssimas…".ó querida, está tão bem, tão chique, top , top….tão elegante.” e entre dentes "grande porca, pirosa”

Mas a grande SANTA, A PADROEIRA é a mãe de todas as putas, essa é imbativel

É puta para as amigas

Não tem amigos, tem pessoas a quem quer pedir qualquer

coisa, ou usar.

Não trabalha, trabalham para ela

Fala mal de toda a gente a toda a gente

Uma feminista histérica

Acha que os homens nasceram para a servir

Vê em cada mulher uma ameaça.

Tem uma mascara de bondade e amizade e um coração de escorpião.

Poê posts no facebook do power feminino e anedotas sobre homens, dizendo que são especie inferior.

Dão aos filhos exemplos de exclusão e de imoralidade

Escolhe homens ricos e que a possam sustentar

Puta não assumida

Quando não licenciada apresenta-se como doutora

Veste bem

Compradora compulsiva com a compulsão de usar o dinheiro dos outros.

Fala mal do marido às amigas

Fode com outros

Não leva o marido a festas, vai sozinha com outro macho ou amiga.

Tem um vicios, coca..alcool, sexo

So coloca fotos dela no face, não da família

Mostra conversas privadas e intimas a pessoas estranhas

Exerce violência psiquica sobre quem domina.

Gaba-se do seu poder mesmo quando não o tem
Moralmente promiscuas, a ética e valores são piadas de velhos

Tem medo da morte, porque na morte não há ter só há ser.

A Santa dobra a espinha a um homem com dinheiro até o dominar

Conduzem carros de mudanças automáticas, tudo que mexa mais de dois botões já é uma dor de cabeça.

Dominadoras, Bipolares oscilam entre a depressão e o extase
Usam o desejo que é dor, é insatisfação para tornar os homens seus escravos. O que fazem as Santas? Acendem o desejo ao rubro e jamais, jamais numa relação o satisfazem completamente pois sabem que se o fizeram libertam as correntes da dor e da carência.

As Santas gostam de que tipo de homem?

A pergunta está errada, a certa é:

Gostam de um homem com que finalidade?

Do Homem pavão? Que tem coisas vistosas para serem exibidas, culto da aparência, com a finalidade de mostrar à sociedade a amigas e rivais o seu poder.

Do homem cão vadio? Homem bonzinho, submisso e carinhoso que volta sempre que é chutado para lhe lamber os pés e comer os restos, com a finalidade de lhe extorquir todo o dinheiro e saúde.

Do homem palhaço? Tonto que fica a tentar ser engraçado na vã esperança de despertar a atenção, para que possa sair e jantar fora e rir sem ter de pagar a entrada.

Do Homem besta de carga? Aquele que dá no duro para a sustentar e à sua vaidade, que lhe paga luxos e viagens e se endivida e para ela e os seus filhos viverem de graça.

Do Homem cão de guarda? Ciumento que faz cara de mau para os rivaism enquanto ela pisca os olhos a outros, para amedrontar ladrões e cobrar dividas dominar ambientes.

Do homem garanhão? Para dar uma quekas, viajar e sair à noite, e regeitá-los e contar as amigas bichas e a toda a gente para enaltecer o seu ego e a auto estima e a sensação de poder no topo de dominio supremo, essa é a Praia da SANTA LOUVADEUS.

A mulher SANTA, está só, profundamente só na sua vaidade e na sua ilusão de poder, um dia sozinha e velha estará mesmo só

A Santa não gosta de ninguém, gosta de si…gosta do guito de um homem que atura e de “amigas” que suporta.

Cuidado com as com a Putas com cara de SANTAS.

Assim acabei esta triologia,

As Mulheres
As Putas e 
As Santas, uma visão redutora, pessoal, uma reflexão baseada numa visão romanceada, uma brincadeira, e para quem se zangou, é só bloquear

Boa Noite.

 

TRIOLOGIA, MULHERES PUTAS E SANTAS, AS PUTAS

marcha-das-vadias.jpg

putas-feministas-maria-riot-y-georgina-orellano-ph

8f6fb0ecddad0feb48cbd1bf601c8143.jpg

17505073.jpg

155148578.jpg

171344727.jpg

 

TRIOLOGIA, MULHERES, PUTAS E SANTAS

PUTAS

Escrever é um processo pessoal, ler também, e para as pessoas que se indignam com o que escrevo, têm a opção de não o ler, de qualquer forma , seja qual for a opinião que tenham, se o que escrevo é vulgar, se são lugares comuns, se são textos fracos , são sempre interpretações que só falam de quem emite essa opinião sobre as minhas opiniões e só é mais uma e revela também a forma profunda como se desconhece a si mesmo, e no que o irrita, faz sorrir e até divertir-se ou desvalorizar, estará provavelmente ligado a eventos de vida que hoje estão tão presentes em si de forma inconsciente….julgar, fala de quem julga e não do objecto julgado

Posto isto…. e escrevendo para acordar aqui vai

Resolvi falar sobre as putas porque as putas são mulheres, mas nem todas as mulheres são putas, e elas existem e muitos dos bons maridos exemplares que usam fato e gravata já foram descompostos por essas mulheres especialistas em prazeres carnais e difíceis de igualar…

As Putas não são todas iguais, há putas escravas, putas de rua, putas viciadas em serem putas , putas finas, as nossas putas e as SANTAS, mas estas falarei amanhã.

Putas tem valores, os valores das Puta, têm códigos de conduta e têm um sistema de valores

Putas têm uma vida, a vida de puta.

Putas são mulheres, são mães, são amantes e esposas….só que vendem o corpo e vivem do trabalho dos outros, vivem de homens que já não amam as mulheres, homens inseguros, vivem de homens fracos sem amor à família, vivem do vicio e do habito em sexo , da promiscuidade e da luxuria , vivem à custa de uma sociedade que valoriza o seu trabalho, bom para os indicadores de turismo, no entanto desvalorizando a sua condição de putas.

Putas são feministas e não desvalorizam os homems, vivem a custa deles, precisam deles e têm uma tolerância que as esposas castas e puras não têm e fazem coisas feias que as esposas não fazem, porcarias , nojentas, putas não se sentem desvalorizadas nem têm vergonha de quem são, e dizem que:

Para as putas os homens são especiais,porque o cliente tem sempre razão.

“ todas as mulheres são na realidade umas grandes putas umas para as outras e para os homens, e que há tantas putas espalhadas pelo mundo a viver como se fossem Ladies e até tias de cascais que são grandes putas”….

elas lá sabem…”então coitadinhos tão maltratados em casa só cá vem animar..espevitar a pevide, sorrir, amar sem terem de ser exemplares”.

Puta é mulher que recebe dinheiro em troco de sexo sem amor, sem paixão e muitas vezes sem tesão.

PUTA ESCRAVA É PROSTITUTA
Puta escrava foi obrigado a ser puta para viver e não é puta é prostituta…..
Puta escrava é uma mulher, subjugada, violentada, que vive miseravelmente, é Puta com doenças sem assistência, é puta que leva porrada, não tem dentes e alimenta-se mal, tem filhos e não tem tempo para os amar, porque já deixou de se amar a si mesma, é uma pária escondida da sociedade, explorada por todos, juízes, policias e xulos….

Puta escrava é mulher, puta escrava é esquecida por nós, não existe, é um ninguém, um invisível aos olhos da humanidade desumana, putas escravas são aos milhares e as feministas não as defendem porque estão preocupadas com o chanel, o louis vitton e com cavali. e não se metem em assuntos imorais…putas de feministas dizem as putas….puta escrava é negocio obscuro de trafico de seres humanos e tantos governos ganham com isso.

Puta escrava é o expoente máximo da exploração de um ser humano sobre outro, de gajos e gajas sem escrúpulos e só há putas porque há clientes, há homens,….há miséria e há tribunais injustos que julgam os pobres e explorados e libertam os ricos…putas finas não vão presas andam em aviões de ministros, futebolistas e em forgunetes de dirigentes sindicais.

PUTA DE RUA.

Puta que escolheu ser puta, não se pode queixar de ser puta, é a puta de rua, , diz asneiras e não respeita ninguém, rouba os clientes sempre que pode, tem sida e herpes genital sifilis, gonococos parasitas de chulos que a consomem e vivem como uma tenia na sua vida.
Puta de rua fá-lo na rua entre os carros, em quartos velhos que partilha com o caruncho e com pombos que enquanto o sexo duro e frio decorre, se vai ouvindo aquele barulho do arrulhar.....cucruuuu, cucruuu...ruuu..ruuu... de centenas pombos e rolas que espreitam pela janela na esperança de dali saia algum milho.

Puta de rua é miséria, a sociedade hipócrita e é puta de rua, canta alto a sua condição moral mas vive de forma miserável e imoral, prostitui os cidadãos e todos somos uma grandes putas nas mãos, de politicos indecorosos, que ganham tambem à custa de trabalho alheio.

PUTA DE DISCOTECA
Putas viciadas em serem putas, já não querem outra vida e têm marido, filhos e na rua em que vivem são doutoras ou esteticistas e respeitadas e castas esposas, trabalham em bares de luxo, conversam com clientes pedindo para lhes pagarem uma champanha, e têm uma capacidade infinita de esperarem que o cliente se decida a pagar seja o que for, ganham à comissão e muitas não têm chulo, e dizem: “que mais de metade dos clientes nem ereção tem”.

PUTA FINA É ESCORT, NÃO É PUTA

“Ser puta não é fácil eu te digo Pedrinho”, dizia-me uma amiga puta, linda, deslumbrante arquitecta, finíssima na sua profissão de puta, trocando só a verbalização de puta por Escort, é mais fino ser escort de luxo.

Puta fina viciou-se em dinheiro, muito dinheiro, e puta fina , treina, faz joging, ginásio, frequenta spas, trata-se não tem chulo e nunca ouviu pombos a arrulhar. Impossivel regredir , puta fina, fina ganha 5000 euros por noite….verdade, a melhor de todas, Michelle Braun ganha 130.000 Dolares por noite.

Puta fina tem vida dupla, acompanha políticos, homens de negócios, sabem segredos, gostam de coca e de pepsi na veia, são subtis, e envolventes, licenciadas e médicas e advogadas e sabem viver…..”os homens quando me vêm ficam nervosos e não têm ereção, por isso é bom passar algum tempo a falar, coitados estão sós e a mulher não os ouve”….Putas finas têm toinos doidos por elas que vão ficando com bolsos vazios e até que se apaixonam e as querem desposar.

Puta fina não aparece ao lado de varredor de ruas, puta fina é mulher de politico, de Presidente da camara, de futebolista, dirigente desportivo ou donos de sindicatos.....

Ser Puta é uma forma de estar na vida, para algumas uma escravatura e para muitas um vicio, uma vida, um feeling e uma profissão de valor

Ser Puta desvaloriza a mulher, alimenta uma sociedade machista e sexista, ser puta qualquer dia é obrigatório como tudo o que é imoral passou a ser?
Para uma Sociedade Ocidental que tudo julga de acordo com os seus dogmas e injustiças sociais como se fosse Jesus Cristo Super Star?

AS NOSSAS PUTAS
Há umas putas especiais, as nossas putas, essas não se vendem, não ganham dinheiro, não são profissionais, nem escravas, nem obrigadas, vivem em nossa casa, as mães dos nossos filhos mas por momentos decidem ser putas, até às vezes só para nos fazerem um favor, só para o seu marido, o seu namorado, e fazem-no com desejo e tesão, são as mulheres, esposas de todos os homens que a fantasiaram, ela, a esposa por momentos pode ser uma puta quando se amam, quando se têm e por momentos no imaginário imaginado, vai mais longe fazendo com que o prazer seja redobrado.o tesão levado a um expoente de forma tão infantil como profunda, e que a relação de amor e cumplicidade se renove e revigore em pensamentos promíscuos e pecaminosos.

E o que se ganha é um grande prazer, cumplicidade, sorrisos no final, “ nunca te chamaria isso querida, tu não és puta, és o meu amor” e tambem se abrem as portas do inferno e do pecado......

e ….quem não o fez? "Querida és a minha puta?" " Chama-me Puta"

Somos todos tão castos e moralistas....mesmo, mas na essência na intimidade, as Putas têm um valor imenso.

Afinal , há tantos tipos de Putas e há tantas formas de julgar os outros e julgar as mulheres putas, quando dentro de nós….os julgadores, os donos da moral, os juízes e juízas dos outros, na nossa eterna presunção de tudo saber e tudo perceber afinal, de que somos donos da justiça, da razão e de DEUS TODO O PODEROSO , e nem sabemos que existe uma puta escondida dentro de cada um à espera de ser acordada.

Shame on you Pedro Tinoco

Essas Putas especiais são as melhores, as nossas mulheres, sexo com amor e cumplicidade não há dinheiro que o pague, não há puta que o equipare.....….calma….. não se zanguem tanto….morrem mais cedo...só estou a brincar.

 

TRIOLOGIA, MULHERES PUTAS E SANTAS, AS MULHERES

13659090_10210398598350626_9027081465181951990_n.j

13754504_10210416136989081_4844072932150336077_n.j

26805040_10215816031823077_6879916101792838356_n.j

26904164_10215894194097085_8819236253172177350_n.j

26907149_10215797374636659_1512878897762507998_n.j

26992254_10215789658763767_3403781147727028998_n.j

26992505_10215789687644489_6205506879814874227_n.j

 

MULHERES

Todas as fotos são de autoria de uma mulher que se aventura sozinha no deserto e capta imagens unicas de seres humanos correndo riscos e incertezas e todas as imagens para mim demonstram a dignidade da mulher, despida e na sua essência original de condutora da sociedade.

Aqui faço a homenagem a esta grande mulher fotografa, Nina Tikari.

MULHERES

Contra o movimento Time´s up, e contra todos os movimentos que descriminam e separam.

Contra os que são contra tudo aquilo que é moda ser contra.

Em forma de preambulo um esclarecimento, ao escrever sobre mulheres estou a expressar a minha opinião sobre o que as distingue de todos os seres vivos na terra, e não o que têm em comum, o que vi nas mulheres que é único e magnifico.

Amanha escreverei sobre PUTAS e depois de amanha sobre SANTAS, é uma visão redutora desse grande mistério que é a mulher, mas um exercício de reflexão.

Não é um ataque às mulheres, é uma opinião pessoal, cheia de padrões de crenças, de dores e de dias alegres, uma opinião de um homem que as desconhece por completo e que com esta trilogia, poderá contribuir para aclarar mentes confusas.

Há mulheres burras, mulheres fracas emocionalmente, mulheres que não dignificam o seu nome, há cretinas e presunçosas e donas do saber absoluto, mas também há homens assim, e não me interessa falar do que nos é comum, e do que nos divide mas sim do que edifica a mulher e que a torna sublime e única ….AOS MEUS OLHOS de homem.

Mulheres, mulheres que maravilha, que milagre, que bênção de criação, poemas, sonhos, aventuras, fins e princípios de tudo, lindas e esbeltas, magníficas e sensuais, adormecer e amanhecer no seu abraço, viagem em mares estranhos e aguas quentes, por vezes geladas, mas sempre envolventes, o seu sexo é anatomicamente bonito, algo reservado e escondido, guardado para o amor e para que a humanidade não se perca e perdure, o seu corpo tem formas suaves e doces, e seja qual for a idade, a origem, a raça, a preferência sexual, todas , todas sem excepção aos meus olhos são lindas de mistério interior de força astral que move as coisas e o mundo, dos espiritos e da energia cosmica.

Mulher ser livre de pensamento, mulher amor pelos filhos, desapego e eternidade, humanidade, um vento forte e solido, arvore edificada para ser eterna.

Mulher não precisa de diploma para SER,

Grandes mulheres simples são MULHER, ESPOSA, AMANTE, MÃE, DONA DE CASA E DONA DO MUNDO e deixam marcas por onde passam.

MÃE, MÃE, a ultima palavra na boca de soldados moribundos, Mãe, Mãe.. no seu ultimo suspiro, no seu ultimo encolher em posição fetal, na esperança de colo e que tudo aquilo seja o pesadelo que sempre a mãe acalmou....Mãe, Mãe....e os olhos que se fecham para sempre.

Mulher sabe pensar por si, não precisa de mentores ou cursos para o ser, alias tendo cérebro mais pequeno que o homem, tem ligações muito mais potentes , o seu cérebro não pára, mais capaz de analisar a curta distancia, de executar multitarefas dá à mulher nos tempos actuais de grande velocidade de informação uma vantagem única.

Mulheres não deviam ir à guerra dos homens, mas quando vão tornam-se Piratas, Sioux, Apaches, Guerreiras temíveis e impiedosas.

Mulher não precisa do dia da mulher para ser mulher.

Mulher não precisa humilhar homens e mostrar a todos que estes são menos para ser Mulher, entende-os nas suas diferenças, promove-os, e lado a lado ajuda-os a deixar de ser as eternas crianças que são.

Mulher não precisa ser feminista para ser feminina e se afirmar como mulher.

Mulher não é assediada, deixa-se assediar.

Mulher quando assediada, arrasa qualquer homem em dois segundos e se não fez, foi no mínimo permissiva, e se tem essa consciência não organiza movimentos feministas pelo prazer de dividir e humilhar o sexo oposto

Mulher não se afirma superior a outros géneros, anda lado a lado com eles.

Mulher percebe melhor que ninguem quando lhe mentem.

Mulher Lésbica é mulher.

Mulher sabe mentir melhor que ninguém quando quer e todos mentimos, só que elas muito melhor.

Mulher diz o que pensa, não o que querem ouvir é directa e por vezes crua na forma de falar e por vezes meiga e doce e subtil, de qualquer forma é bom ouvi-la.

Mulher é o símbolo da justiça, é o símbolo da balança e do equilíbrio e é ela que equilibra a natureza.

Mulher sabe ser tão subtil e sem esforço congregar esforços de todos, basta o seu sorriso.

Mulheres trabalham sempre, sempre, na casa e no trabalho.

Mulher é um tesouro, é mãe, amante, esposa, irmã, colega, amiga, confidente e não entender isto é ser uma besta.

Mulher é autosuficiente e competente.

As PUTAS são Mulheres As mulheres podem aceitar e compreender as PUTAS e desprezam ou ignoram as SANTAS.

As Santas não honram as mulheres.

Mulher na cama é vento, é tempestade e calmaria, é tesao, é amor e paixão, é puta 3 dona e escrava, dominadora e submissa, mulher na cama é do melhor, é o melhor... Mulher na cama ê vida.

Mulher não se entrega a um homem, oferece-se a si quando o quer.

Mulher nunca se oferece a um filho.....entrega-se mesmo quando ele não a quer.

Mulher é incontestavelmente uma força da natureza, e quem não entenda isto, não entendeu a humanidade.

Mulher é inconquistável, nunca consegui conquistar nenhuma.

“Não se toca numa mulher nem com uma flor” disse-me a minha mãe.

TRIOLOGIA, MULHERES PUTAS E SANTAS

9b65d013573977.562758487d2d4.jpg

6043111065_ff34c8f6fa_z.jpg

feministas1.jpg

 

TRIOLOGIA , MULHERES, PUTAS E SANTAS.

Decidi escrever uma triologia, em 3 actos sobre a forma como ao fim de alguns anos de vida vejo o sexo oposto baseado no mal e no bem que lhes fiz, no que me deram, ensinaram, no que me fizeram crescer e regredir, eacima de tudo, não negando que sempre tive a possibilidade de escolher de forma diferente e que não é uma triologia de uma vitima masculina , mas sim de um actor que teve presente conscientemente no bem e no mal, como pecador e como santo, e as vezes quem sabe como puta.

Resolvi escrever esta trilogia, por estes ultimos movimentos sobre ASSEDIO levados a cabo por mulheres americanas e que contaminam uma sociedade muito mais antiga e com valores como a Europeia, porque os homens são hoje quase que considerados culpados por serem homens, porque se organizam movimentos de gays, de transgeneros, lesbicas, demulheres, de feministas estéricas e o macho heterosexual, anda a levar porrada de todos os lados, só porque é homem e não está preocupado com guerras e disputas cosmicas e até tem a mente bem aberta à tolerancia e a perceber os grandes problemas que assolam a humanidade, homems como eu que consideram a mulher algo a ser amado, protegido, acarinhado e respeitado não como um igual, mas sim como pessoas muitos especiais que geram vida e usam a palavra MÃE.

Escrevo-o porque condeno qualquer homem que exerça violencia fisica epsiquica sobre mulheres e crianças assim como condeno qualquer mulher que o faça.

Faço aqui uma generalização nesta triologia, encaixando as mulheres em 3 grupos, e vejam bem esta é a minha prespectiva generalista , distorcida pelo meu sistema de crenças e pensamentos e só me pertence a mim, ecada um terá a sua e como uma provocação à reflexão sobre este tema pronto e disponivel para levar porrada.

Todos os seres humanos são unicos e como unicos há tanta gente etantas mulheres que fogem a um estereotipo que aqui reduzo a 3 grupos.

Amanha irei escrever um texto sobre MULHERESe conheci uma enorme a minha mãe, e penso que para todos e todas, generalizando novamente, a MÃE, quer tenha sido mulher, puta ou santa, é SEMPRE A MULHER.

Este texto dedico-o a todas as mulheres e a todos os homens vitimas de violencia fisica e psiquica,e que neste mundo hipocrita se perceba que a tolerancia é uma palavra vã, que anda na boca do mundo para justificar a profunda intolerância e o faz de conta do amor universal em que vivemos. Todos somos únicos... Inimitáveis, todos estamos completamente sós dentro de nós..... Todos magníficos, temos é um filho da puta que também somos nós que nos julga, limita, mas que também nos projecta edifica... Escolher qual desejamos ser.... Ser a bondade bastaria para abrir a alma à todos

Mais sobre mim

imagem de perfil

Soprador de Brasas

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D